domingo, 23 de agosto de 2009

Ah e tal casamentos!!!

Uns amigos meus foram convidados para um casamento de outro amigo. Como os meus aposentos ficavam a meio caminho, combinamos que passariam cá a noite após a festa. Ora lá foram todos contentes, com vontade de encher bem bandulho como é costume nos casamentos. Depois das formalidades, cerimónia e todas essas partes eis que chega a boda. O problema começou de imediato com o lanche, porque aquelas andorinhas em vez de irem buscar qualquer coisa para comer preocuparam-se antes em arranjar algo para beber. Conclusão, tudo o que estava na mesa do lanche desapareceu em menos de nada, lá sobrou um pastelinho ou outra coisa que tal para enganar a fome, porque para o jantar estava preparada uma grande mesa onde se destacavam dois leitões assados, colocados estrategicamente como se de dois troféus se tratasse. Acabado o lanche veio toda a festa, dança, para fazer tempo (e abrir o apetite) para o jantar. Os meus amigos lá andaram todos contentes e a barriga já acusava horas, mas de cada vez que olhavam para os leitões lá surgiam forças para continuar. Quase às oito da noite lá se lembraram de abrir a mesa do jantar. Ora a esta hora já andava tudo esganado de fome, e os meus amigos a mirarem os leitões. Uma multidão enlouquecida tomou posse da mesa e em menos de nada tudo ficou limpo.
Por volta das dez da noite chegam-me aquelas alminhas a casa, já eu estava jantado ao tempo e digo-lhes:
- Bem nem lhes ofereço nada que devem vir bem atestados!
Ao que eles me respondem:
-Estás maluco, manda lá vir aí uma pizza que estamos com uma fome do diabo!
Lá me contaram que quem organizou o casamento foi assim um tanto forreta. Quando conseguiram chegar ao pé da mesa já pouco apanharam. E os leitões? Sumiram-se num ápice, até os ossinhos desapareceram!
E foi vê-los agarrados às fatias de pizza que nem dois lobos a trinchar as suas presas, até metiam medo e pareciam rosnar de cada vez que eu olhava para a pizza!
Pois é, quem manda pensar que os casamentos são só fartura! Apanharam foi uma grandessíssima barrigada de fome! Quem os manda ser garganeiros?

8 comentários:

Nuance disse...

já me aconteceu uma dessas... E o problema nem foram os noivos, que não foram nada forretas... foi mesmo mau serviço e a garganeirisse dos demais...
Ainda hoje, os noivos nem sonham a fome que pássamos!

*B* disse...

Coitados!

[lol]

sakura disse...

Eh lá! Nunca tinha ouvido falar de casamentos onde se passasse fome... Credo!
*

S* disse...

HUm... nos casórios enfarda-se ate rebentar. Coitado... :|

GATA disse...

Ah! Ah! Ah! Desculpa mas foi castigo! :-)

Eu não gosto de casamentos, especialmente daqueles tipo festa popular mas armado em festa intelectual.

a estagiária disse...

Acho que se exagera um bocado nos casamentos.. é sempre tudo a mais.. agora assim a menos é que nunca tinha ouvido falar..

Patrícia disse...

É o primeiro caso de fome em casamentos que conheço :P
Normalmente a barriga vem de lá tão cheia que só nos apetece rebolar :P

Miss Yellow disse...

:O passaram fome?

Estou chocada.. nunca tive conhecimento de nenhum caso.. aliás, ainda este fim-de-semana, casou a minha irmã, e eu gostava de ter gravado a abertura do copo de àgua e a corrida à mesa dos mariscos.. mas ninguém passou fome, até porque continuaram a repor..

Tiveram mesmo azar.. =/