sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Pensar e sonhar


Pensar é o contrário de sonhar. Sonhar é sentir, pensar é raciocinar. No meu caso acho que misturo as duas coisas. Penso que sonho, sonho que penso e depois nunca sei muito bem em que acreditar, se na realidade que a razão me transmite, se na ilusão que o sonho me provoca. Sei que penso demasiado, mas ao mesmo tempo sonho demasiado para compensar. Tudo o que me vai na minha cabeça é este misto, talvez por isso não consiga ver, não consiga atingir a clareza e interpretar correctamente o que me acontece, o que está à minha volta, quem está à minha volta, a minha própria vida. É tudo um cinzento pouco nítido, mistura de contrastes. Se sonho acordado? Sonho. Se penso a dormir? Penso. Se isso faz de mim alguém melhor ou pior? Não sei. Se isso me dá respostas? Não, apenas perguntas e dúvidas. É a isso que tenho direito e nada mais...

5 comentários:

Olhos Dourados disse...

Faz bem sonhar!

HannaH disse...

acho que a mistura das duas coisas é mesmo o ideal. a confusão é natural, mas é do caos que se formam as melhores atitudes!

Bafejada pelas Musas disse...

Há pensar de raciocínio e pensar de sonho! quando imaginas;) E depois há só o sonho que faz bem. Mas já por isso existe o "sonhar acordado":)***

S* disse...

Eu penso muito, mas sonho pouco. Não sou de utopias...

mudasti disse...

eu penso muito e sonho ainda mais...
Mas é assim que (acho) distingo o que é real do que é ficção