quinta-feira, 20 de maio de 2010

Tocar


Tocar é mais do que uma simples manifestação física objectiva. Tocar é mais do que esse encontro entre mãos, entre lábios, entre dois corpos. É algo que parece acontecer no exterior, mas que se sente realmente no interior, no campo do nosso íntimo, da nossa sensibilidade mais instintiva. Tocar é envolver, é fundir, é sentir os elementos, o calor, o frio, o ar, a textura. É um transmitir de energias, de electricidade, de uma série de sensações que fazem os corpos ganharem vida própria, procurando-se, interligando-se num movimento que espelha mais do que alguma vez possamos vir a compreender na totalidade, porque há coisas que não explicam, apenas se sentem, sendo que tocar é sentir num grau mais amplo, o qual trespassa a própria essência dos seres.

5 comentários:

Girl in the Clouds disse...

Que texto fantástico!! É mesmo verdade há coisas que não se explicam!!

S* disse...

Sentir emoções com a ponta dos dedos.

Carolina Tavares disse...

Ah... também acho tocar e ser tocado muito especial. Um toque cheio de carinho e emoção é muito bom, é terapêutico. Como faz falta. bjus

by "A Invisível" disse...

Querido Terrible;

Lá terei que ser repetitiva: FANTÁSTICO! Texto excelente! Mesmo!

Beijinho meu Amigo*

Nirvana disse...

Lindo, o texto, Terrible.
Sem nada a crescentar, para não estragar.
O tocar encerra em si tantas coisas, é ver, é perceber, é querer, é sentir, é sentir-se sentido.
Fantástico mesmo, o texto.
Beijinhos