quinta-feira, 24 de junho de 2010

Nunca me posso esquecer...


... que as melhores coisas que nos acontecem são aquelas que gostaríamos que acontecessem, sem no entanto termos a esperança que as mesmas venham a acontecer.



[Tantas vezes que quebro essa regra e por isso há tanta coisa que não me corre bem...]

6 comentários:

S* disse...

Parte do bom reside na esperança de que aconteçam. :)

by "A Invisível" disse...

Ou isso, ou vires ao Porto, para pagares um copo à malta do "Até durar"!! Ó SOVINA!!

:)))

Beijinho querido Terrible*

Carolina Tavares disse...

É vero! bjus

Marta disse...

Eu acho que quando queremos muito conseguimos fazer com que aconteçam. Basta ter fé!

Nirvana disse...

...sem querermos alimentar a esperança de que venham a acontecer. Comigo, é assim. Ainda não descobri como se mata a esperança, por mais pequena que seja.
Beijinhos :)

Ah!! Estou com a Invisível Maria que agora se virou para a área da restauração! :)

Olhos Dourados disse...

Pois!