terça-feira, 13 de julho de 2010

A vida e a bicicleta


Viver é como andar de bicicleta. É preciso pedalar para não se cair, para se manter o equilíbrio que nos permite avançar, porque dessa forma não se entra na estagnação, é a velocidade constante que nos permite manter-nos de cabeça erguida, atentos a tudo. Contudo quando se anda de bicicleta é necessário uma direcção, um caminho e por melhores ciclistas que possamos ser, sem essa particularidade acabamos, não por estagnar, mas por andar completamente perdidos.

12 comentários:

GATA disse...

ESTOU TRAMADA! é que eu não sei andar de bicicleta... serve saber andar de patins?!

S* disse...

E é preciso saber fazer uns piões para enganar os obstáculos.

Francisco Martins disse...

Adorei a metáfora...e pensando bem...e tãooo verdade!

Blog fixxe! :)

L'Enfant Terrible disse...

Francisco Martins
Sê bem vindo!

Mona Lisa disse...

Sim, bela comparação, sem dúvida.

Marta disse...

E eu farto-me de pedalar...

Poetic GIRL disse...

Nunca tinha pensado na vida sob essa perspectiva! beijoca

Carolina Tavares disse...

E quando a gente leva um tombão, acabei de levar um... e estou aqui a chorar. Sabe está doendo muito.

Anónimo disse...

Por vezes, também andamos de bicicleta sem direcção... por caminhos desconhecidos, por trilhos... temos vontade de desistir... de voltar para trás... porém, no fim acabamos sempre por encontrar "o caminho"...apesar de doridos e cansados!!! a vida é isso mesmo.

Adorei a comparação!!!!
(desuso que saibas andar de bicicleta)

Je

Anira the Cat disse...

Nem sempre temos direcção definida... mas o importante é continuar, sem desistir.

Bjokas

by "A Invisível" disse...

Ora mais uma grande verdade.
Beijinho*

Nirvana disse...

OHH!! Perdida é o meu nome do meio! Pior que nãoé de família nem nada!

Mas é isso mesmo, Terrible. E o que fazemos quando caimos de bicicleta? Levantamo-nos e continuamos. Se a bicicleta estiver partida, compomos o que está partido ;)

Beijinhos