terça-feira, 16 de novembro de 2010

O que se quer da vida


Quantas perguntas não se tem feito sobre o que é a vida? Quantas verdades, hipóteses, teorias, fórmulas, princípios, leis não se enunciaram já para se tentar dar resposta a uma pergunta que sempre acompanhou e atormentou a humanidade? Muitas, demasiadas talvez, todas apontam um caminho ou uma parte e mesmo quando se juntam, quando se conhecem na totalidade acaba-se sempre por perceber que nenhuma é suficiente, tão grande e contraditório que é o tema, o qual nos ultrapassa em termos de conhecimento. Daí que quando se pergunta o que se quer da vida chega-se à conclusão singela que apenas se quer vive-la, quiçá, nem pensar muito no assunto, sendo que o problema é que na maioria das vezes não se sabe como o fazer. Talvez essa seja, verdadeiramente, a questão a colocar.

6 comentários:

GATA disse...

O que se quer da vida? Eu quero sopas (de leite, claro!) e descanso. E paz, muita paz...

Look by me disse...

Ora aí está, nada mais certo, vivam a vida da maneira que possivelmente mais gostam e não tenham preconceito sobre nada. bj

*B* disse...

Eu quero viver a minha como se não houvesse amanhã. Seja isto um cliché ou não.

:)

ADEK disse...

Eu todos os dias de manhã acordo com a certeza do que quero da vida. Só que praticamente todos os dias de manhã essa certeza é diferente:P

A Minha Essência disse...

Viver um dia de cada vez... somente.

Beijo

S* disse...

Eu gosto de aproveitar tudo, sem pensar muito nas consequências.