quinta-feira, 5 de maio de 2011

Constatação #21


Quando se quer misturar aquilo que se é com aquilo que se quer ser/parecer, o resultado tende com alta probabilidade para roçar o ridículo.

7 comentários:

GATA disse...

Eu sou má mas pareço boa... :-)

Psiuuuu!!Sou eu! disse...

é bem provável que o resultado seja esse, sim.
:)

Margarida disse...

Alta probabilidade mesmo... Percebamos tal a tempo e fica tudo bem... O mal é quando não o percebemos a horas, mas apenas quando olhamos para trás!

Dança dos Dias disse...

Eu conheço muita gente ridícula.
Eu também sou. Mas os motivos são outros.

Eva Gonçalves disse...

Nem sempre o que se quer ser e o que se quer parecer, coincidem, :) Quanto ao que somos , aí é que roçamos o ridículo muitas vezes...

Olívia Palito disse...

O resultado muitas vezes, não é lá muito bonito de se ver, não. Embora eu acredite que, quando as pessoas querem aparentar ser algo que não são, mais cedo ou mais tarde acabam por mostrar, mesmo que não queiram. É praticamente inevitável. ;)

we agree to disagree disse...

I agree

***