terça-feira, 11 de outubro de 2011

Esperar

Ninguém espera porque tem de esperar, todos se lançam de cabeça, ficar parado, quieto não é atitude, não é moda, há uma vontade indómita de avançar sempre, nem que seja para lugar nenhum. O tempo em que vivemos impõe o desassossego, porque ficar a aguardar é a pior das torturas, aquela que nunca se resiste e ninguém aplaude por se enfrentar. A calma é por isso garantida quando não se esperou, embora a desilusão mais vezes se afirme e manifeste por ter-se avançado num rasgo impensado e pouco ponderado.

5 comentários:

A Minha Essência disse...

Por isso que a impulsividade aqui é, uma péssima aliada. Ou seja, eu!

Kiss

hierra disse...

quem espera é porque está agarrado a algo!

Eva Gonçalves disse...

Andas tão desfasado da realidade... tanta.. mas tanta gente que espera porque assim escolhe... e que nunca, mas nunca se lança de cabeça... ficar a aguardar é torura?? Deixa-me rir... isso deves ser tu que tens competências para agir e reagir, e ainda bem... mas a maioria das pessoas, fica aterrorizada com a ideia de avançar, acredta...e esperar, sem fazer nada, é tão simples, tão fácil e cómodo, tão apetecível... esta é que é a realidade! Beijinho

verde tangerina disse...

às vezes a coragem e lançarmo-nos para o passado...ou seja recomeçar do zero, uma e outra vez...e é preciso tanta coragem às vezes!

salto para a lua disse...

mas no final da nossa vida, vamos revoltar-nos mais com tudo aquilo que não fizemos. por isso sou apologista do arriscar, avançar, sem medo. o pior que nos pode acontecer é falhar. e depois? para a próxima acertas, ou então falhas, mas falhas melhor.