segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Apostar


Todos fazemos apostas. Seja conscientes ou inconscientes, seja de forma racional ou irracional. Uma aposta é uma escolha que se faz num determinado momento, perante uma determinada situação, mas sem nenhuma certeza ou garantia de que a mesma será a mais acertada e mesmo quando julgamos ter acertado, a médio e longo prazo acabamos por perceber que afinal deveríamos ter escolhido outro caminho. Raramente podemos voltar atrás numa aposta, porque muitas são definitivas, após uma escolha todas as outras deixam de ser validas ou executáveis. Tendemos depois a sonhar e a especular como seria, se outro caminho fosse tomado, se outra opção fosse escolhida, mas tais dúvidas apenas surgem quando a aposta que se fez não se saldou em sucesso, ou acabou por ser uma péssima aposta e viver com isso não é fácil, será talvez aquilo que mais nos custa a digerir, sobretudo a emendar. Apostar não é por isso fácil, é extremamente difícil e nem sempre temos o tempo e a sabedoria para tomar a melhor decisão, tanto ao ponto de tantas vezes recearmos apostar, o que nos deixa estáticos, presos a nós próprios, sendo que tal acaba por se resumir entre querermos apostar na vida e saboreá-la ou não.

2 comentários:

GATA disse...

Não faço apostas! Até porque "prognósticos, só no fim do jogo"... :-)

A Minha Essência disse...

Sou mais de ver para crer! ;)