terça-feira, 22 de abril de 2014

...

Todos gostaríamos de ser perfeitos, felizes, alegres e equilibrados. Mas o certo é que o somatório destes itens não é fácil de atingir, a não ser, em separado, em poucos momentos e muito raramente na continuidade. Ainda que se possa ver isto como uma verdade factual o certo é que muitos acham-se perfeitos, dizem-se felizes, parecem sempre alegres e gabam-se de viver em harmonia. No fundo creio que muitos preferem fazer de conta, viver na ilusão, enganarem-se a eles e aos outros e viver em total desequilíbrio ao invés de aceitarem ou batalharem para se tornarem aquilo que tanto almejam e gostam de referir como seu.

3 comentários:

A Minha Essência disse...

Regra base do ser humano: quem és; de onde és; para onde vais. ;)

hierra disse...

Uma coisa que eu já percebi é que ha muita gente que mostra ao mundo que vive feliz e tem tudo mas não passa de aparÊncia, Às vezes são mais desiquilibrados que os eternos insatisfeitos :)

GATA disse...

Não sou perfeita, nem sempre feliz e alegre, e muito menos equilibrada - mas aceito-me como sou (ou pelo menos tento...) e quem gostar ver-da-dei-ra-men-te de mim também!