quarta-feira, 25 de novembro de 2015

A melhor frase que ouvi nos últimos dias

"A política é como a merda, seja qual for a cor, o cheiro, esse, é sempre o mesmo!"

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Fases

Existem fases em que podemos tudo. Estamos cheios de nós mesmos, o passado é esquecido e somente o que conta é o futuro, e este é aberto a todas as possibilidades, todas claro positivas e luminosas. Não existem dúvidas, não existem preocupações, há tempo, há vontade, há a ideia de capacidade para isto e aquilo, sendo que a sensação predominante foi apenas de acordar, do despertar para um mundo de opções infinitas, opções que nos fazem sorrir e só o facto de poderem ser exequíveis é mais que suficiente para que nos possamos sentir felizes.

Contudo, tudo isto seria perfeito se fosse duradouro, se a vida fosse sempre idílica, se a força que sentimos quando podemos tudo se mantivesse, estável, resoluta, vigilante e não se perdesse, não se deixasse de sentir, para que com ela pudéssemos ultrapassar todos os obstáculos negativos que sempre aparecem, que entortam o nosso caminho, ofuscam a nossa felicidade, os nossos objectivos mais luminosos e no fim, suporta-se o peso do mundo que não perde tempo a tentar esmagar-nos.
E esperança, essa, acaba por residir naquilo que esperamos que volte, que retorne a nós, a sensação de podermos tudo, se sermos tudo, para que dessa vez possamos aprisiona-la, não a deixar escapar, não a esquecer, mantê-la acesa o máximo de tempo dentro de nós.